O trauma psicológico também pode causar disfunção erétil

Reconhecer o problema da ereção fraca de um homem é metade do sucesso. Por exemplo, se um homem teve estresse ou ansiedade severa antes da relação sexual, ele se cansou no trabalho, não dormiu o suficiente, ficou irritado, houve uma situação de conflito com uma mulher ou incompatibilidade sexual – isso pode causar fraqueza do homem. Se essas causas forem eliminadas, a ereção será normal novamente.

O trauma psicológico também pode causar disfunção erétil durante o sexo. Não é necessário medos e complexos associados às relações sexuais. Ressentimento infantil, insegurança, tensão, turbulência emocional de qualquer natureza, acesse Max Power, – tudo isso pode afetar a saúde dos homens quando um homem não se levanta no momento certo. É possível remover barreiras psicológicas com a ajuda de um psicoterapeuta ou um psicólogo – de outra forma, tais problemas com a ereção do pênis podem ser curados.

Quando o marido não é membro e a falta de ereção é acompanhada por comichão, vermelhidão, sensações dolorosas na região da virilha, desconforto durante a micção, inflamação e outros sintomas desagradáveis ​​- a causa da disfunção erétil na doença venérea. Encontrou sintomas semelhantes – contate imediatamente seu urologista ou venereologista, que, após o diagnóstico, prescreverá tratamento e ajudará a restaurar e melhorar a ereção masculina.

Interrupção dos níveis hormonais – uma das causas mais comuns de ereções fracas nos homens. Se a suspeita se insinuar porque a razão de o membro não surgir é precisamente isso, faz sentido passar a análise ao nível da testosterona. Um endocrinologista ajudará nisso, que fará um exame e prescreverá terapia para aumentar a libido. Em caso de distúrbios hormonais, além de uma má ereção, o homem pode ter outros sintomas, incluindo: uma mudança no tom da voz; celulite nas nádegas, coxas e peito; terminação do cabelo do corpo e da cara. Mas a disfunção erétil pode ser o único sintoma de falha hormonal.